segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Presidente da APRUS nos reporta

Recentemente recebemos mais uma carta do Diretor Presidente da APRUS, Thomaz Raposo de Almeida Filho. Nos comentários sobre a nossa recente vitória ainda não comemorada. Vamos acompanhar suas palavras!


Devem ter percebido que ante aos sucessos da antecipação de tutela, a APRUS procurou apoiar as possíveis medidas que irão facilitar os novos caminhos a serem percorridos.

Enganam-se aqueles que possam ter imaginado que nós ficamos parados aguardando os acontecimentos pois trabalhamos junto ao Sr. José Pereira no sentido de prover à PREVIC todas as informações necessárias para o rápido cumprimento da referida ação, evitando assim o descompasso de qualquer desculpa por parte da UNIÃO.

Enganam-se mais uma vez ao imaginar que nossas ações se reduziram a isso visto que temos que tratar dos nossos problemas com previsões que permitam outras saídas para os mesmos e sendo assim informo que estamos promovendo nova estratégia, que não me permito revelar para permitir que tenhamos a condição de atingir aos nossos objetivos finais, pois a antecipação de tutela muito bem promovida nos permitirá a sobrevida digna até que nossos direitos sejam reconhecidos de forma definitiva.

A APRUS não concorda absolutamente com demonstrações que mostrem a situação dos VARIGUINIANOS implorando por nossos direitos nem tendo que mostrar suas certidões de óbito, visto que isto é do conhecimento geral do governo que apenas continua a ser incompetente com seus feitos, exemplo é que na lei complementar 109, este mesmo governo continua a permitir a saída da empresa como patrocinadora e pasmem isto jamais poderia ser permitido, pois destrói qualquer calculo técnico atuarial que existe no contrato do nosso ou de qualquer outro fundo de previdência complementar.
Os VARIGUINIANOS são exemplo de técnica e não admitem ser considerados como coitados, briguemos pelos nossos direitos, mas de cabeça erguida.

E continuo com a mesma FÉ.

Thomaz Raposo de Almeida Filho
Diretor Presidente
APRUS

Nenhum comentário:

Postar um comentário