quinta-feira, 31 de maio de 2012

O Globo anuncia Leilão da VARIG!

          Lendo o Jornal "O Globo" na casa de meu avô me deparo com a notícia de leilões da VARIG, diz a reportagem que várias áreas serão leiloadas e será reunido mais de 10 milhões de reais.Ao chegar em casa, me deparo com um e-mail, com o texto da reportagem, e-mail este que facilitou minha busca pela notícia que havia conferido no Jornal já citado.Será que sobrará algum dinheiro para o AERUS ou mais algumas "maracutaias" irão fazer por mágica, outros credores aparecerem na frente dentro da lista?! Vamos torcer para que estas pessoas recebam o que lhes é devido.Vamos conferir o texto da reportagem recebido por e-mail:

Observação: O texto foi retirado diretamente do e-mail que recebi de Rosiclea C. da SilvaNão corrigi erros ortográficos.

"O Globo
Quinta-feira, 31 de maio de 2012
Patrimônio da Varig à venda
Gestor judicial vai leiloar 29 imóveis da companhia. Há áreas no Rio, SP e Brasília
NEGÓCIOS & cia
Flávia Oliveira

• Parte do patrimônio imobiliário da Varig vai a leilão dia 28 de junho, no Rio. O gestor judicial Jaime Canha reuniu 29 dos mais de 130 imóveis pertencentes à companhia aérea, que teve a falência decretada em agosto de 2010. Será o primeiro leilão de imóveis da Varig. A seleção envolve áreas em 13 cidades brasileiras, incluindo capitais como Rio, São Paulo, BH, Brasília. Salvador, Recite e Fortaleza. Em São Paulo. há dois conjuntos de salas na Avenida Paulista avaliados em mais de R$ 7 milhões. Em Brasília. a companhia é dona de um terreno de quase R$ 5 milhões no Lago Sul. No Rio, há uma loja na Avenida N. Sra. de Copacabana, que vale R$ 2,5 milhões. Quatro leiloeiros (De Paula, Suas Barbosa. Rodrigo Porlella e Jonas Rymer) estão encarregados da oferta. Este ano, estão previstos mais dois leilões: um de bens móveis e carros, em agosto; outro de imóveis, entre outubro e novembro. O dinheiro apurado vai cobrir dívidas da empresa. A Varig deve mais R$ 18 bilhões a governos, bancos, fornecedores e funcionários. O caso está na 1ª Vara Empresarial do Rio, com o juiz Luiz Roberto Ayoub."

Nenhum comentário:

Postar um comentário